Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a mãe dos PP's

Que música te faz ficar no carro? Responde a miss queer

Bom dia povo!

Hoje a minha convidada é a miss queer foto do autor que em dez segundos nos faz rir e pensar em detalhes importantes da vida.

Bora lá que isto hoje promete                      

 

Bom dia, coisas boas do meu coração! Em primeiro lugar, tenho de agradecer à linda e maravilhosa mãe dos PP’s pelo convite e por nos dar o prazer de a lermos (quase) todos os dias aqui neste mundo. um brinde à mãe dos PP’s! Gosto muito de ti. 

Eu também gosto muito de ti 

atualmente o cd que tenho no carro é o do rancho da terra dos meus pais… mas eles são famosos! e têm músicas giras. foram até um dos cd mais vendidos o ano passado. por que raio me estou a justificar? gosto e pronto! e, confesso, também gosto de música portuguesa. António Zambujo (ou não cantasse ele muitas vezes como rancho), Raquel Tavares, Luiz Caracol… cantores destes estilos.

Dos tempos de estudante ficaram-me reinterpretações de músicas pop adaptadas ao clássico, a maioria das vezes gosto mais destas versões do que dos originais.

quando me dedicava às cantorias (parece que foi há uma vida atrás), cantarolava o falecido Beto (fez-me ganhar um concurso!), Joss Stone… como veem, os meus gostos são como eu… variam consoante o espírito!

mas parece que é suposto indicar uma música que me faz ficar no carro… isto vai precisar de contexto para não pensarem que sou muito lamechas: há dois anos e meio, a minha prima decidiu casar. depois de um namoro de dez anos e já com duas filhas, depois de o noivo ter emigrado para o reino unido e de várias tentativas (falhadas) de ela se juntar a ele por terras de sua majestade, decidiram casar. Contudo, trocaram a marcha nupcial pela a thousand years, da Christina Perri.

 

Eu não sou chorona, mas chorei ao ver a minha prima entrar (quem não chorou?). aquele dia foi inesquecível. O amor entre eles é dos mais bonitos que já conheci e esta música ficará para sempre associada a ele e, desde esse dia, sempre que a música toca, seja no carro ou em qualquer outro sítio, recordo aquele momento mágico e fico parada a ouvi-la. Felizmente já não dá muitas vezes!

         

 A miss é piegas? E depois que mal tem isso? 

Gostaram?

 

Que música te faz ficar no carro? Responde o P.A

Bom diaaaaaaaaaaaaa gente linda!!!!!!!!

A namorada do meu convidado de hoje apanhou o bouquet mas o P.A (fraquinho ) ainda não teve coragem de a pedir em casamento. Será pela vergonha de poder desmaiar com os nervos ou porque não nos quer convidar para a boda?

Olá eu sou o P.A e sou aquele rapaz que assistiu em sofrimento, mas de pé, à sua namorada a apanhar o bouquet.
Se bem conheço a mãe dos PP's, deverá colocar agora aqui algo como " fraquinho" acompanhado de um smile.
Como sei? Tem sido a minha vida nos últimos meses...
E é por via destes mimos que temos vindo a trocar, eu e a caríssima mãe dos PP's, que encaro este convite como um pedido de desculpas () e obviamente, como uma manifestação de que de facto estás de consciência bem pesada!

Fora de brincadeiras, obrigado pelo convite, é um prazer vir aqui =)
                                                                         Jura?! 
Ora, que música me faz ficar no carro?

Tenho algumas...
Mas as que mais me obrigam mesmo a ficar no carro são pequenas melodias.
Recordo-me agora, por exemplo, daquele maravilhoso som de falta de bateria, do dar à chave e não acontecer nada. Fico logo no carro.
Ou então aquele barulho de um pneu furado...
Ou até mesmo o alerta sonoro da luz vermelha do motor! Esse então garante estadia no carro até a assistência chegar.

Mas a que hoje tenho para vocês é de facto aquela que me faz ficar sentado para ouvir até ao fim, aquela sobremesa que não se come por fome mas apenas por prazer:

Não deixa de ser um paradoxo eu parar por uma Don't stop me now... mas é verdade =)


Ah...e desculpas aceites mãe dos PP's (ai lolololol )

Bom resto de semana!

Olhem para isto: O P.A " Don't stop me now" mas casar estás quieto... digam me lá se isto faz sentido?... ai que fraqueza... 

 

 Gostaram?

Que música te faz ficar no carro? Responde a Desconhecida

Bom dia povo!

Hoje para a minha rubrica convidei uma miúda muito fixe e com grande coração: a desconhecida! Ela tem uma maneira muito simples e humilde de escrever. Ora vão lá espreitar. Nos entretantos, vejam a música escolhida por esta jovem:

 

 

 

Olá, olá!

 

Pois é, parece que hoje é a minha vez, a Desconhecida em blog alheio, sinto-me… Hummm… Importante!? Sim, IMPORTANTE… :P Antes de mais, obrigada Mãe dos PP´s, por me teres recebido neste teu maravilhoso cantinho, nesta tua fantástica rubrica… Oh pá, nem sei o que mais dizer…Vamos à música!

(so sweet )

 

A música que eu escolhi é uma música para dançar, não, não é essas das discotecas… É uma música com uma letra que me faz sorrir… É uma música lindinha, pelo menos para mim… não, não é essa do Amor é Assim… É de um cantor que admiro bastante…

 

Aiiii esta música… É perfeita, desde a primeira, à última palavra… Estou apaixonada pela forma desta melodia… Já sabem do que falo!?... Falo de Ed Sheeran! Falo de Shape Of You… Vá lá, cantem um bocadinho comigo, sintam esta melodia, reparem na letra, não é linda!?...  “I'm in love with the shape of you… We push and pull like a magnet do… Although my heart is falling too, I'm in love with your body… Last night you were in my room… And now my bedsheets smell like you… Every day discovering something brand new, I'm in love with the shape of you… Oh-I-oh-I-oh-I-oh-I…”
 

E assim me despeço… Oh-I-oh-I-oh-I-oh-I…

 

Só aqui para nós: Ela não está só apaixonada pela música, pois não? Anda mouro na costa, certo?

 

 

Gostaram?

 

Que música te faz ficar no carro? Responde a Loulou

Olá pessoal!

Para a rubrica de hoje convidei nada mais nada menos que a Louloubijoux : Ei-la na imagem abaixo! 

 

A Loulou tem um blog cheio de coisas giras e enteressantes... vale sempre a pena passar por lá.

 

Vamos a isto:

 

E num misto de surpresa e alegria sou surpreendida pela mãe dos PP's, quando me convida para a sua famosa rubrica. Tava a ver que nunca mais.... hahaaaah.... Andava aqui uma pessoa ansiosa... à espera do convite... já cheia de teias de aranha de tanto esperar, a ganhar raízes e nada.... Mas um santinho ouviu as minhas preces e lá veio o convite.

(Sou tão importante! )

É claro que não podemos dar parte fraca e uma pessoa por mais vontade que tenha de aceitar, convém fazer-se cara.... não sei se tenho tempo, se dá para conciliar, blá, blá, blá.... Mas como não aceitar? Falando mais a sério... OK.... vou tentar...

Obrigada minha querida mãe dos PP's pelo convite para, esta tua, tão famosa rubrica. Da qual sou fã incondicional. A nº 1!!! (nota para futuros candidatos: convém dar um pouco de graxa )

(Engraxa que eu gosto) 

Depois de tanta ansiedade, chegado o momento... e uma pessoa tem uma branca. Fica sem saber o que escrever, sem temas musicais... Ai que a cabeça mais parece um programa de rádio, o Discos-pedidos num mix com um anúncio muito conhecido da OK Teleseguros, isto sempre em repeat... "Discos-pedidos... fala a Marta, em que posso ser útil... ups qual o disco pedido?! Só se lembra da música... "Eu vi um sapo" da Maria Armanda. Cruzes credo... nãaaaoooooo.... Tenho de fazer boa figura. Afinal não posso deixar mal vista a mãe...

"Mãe querida, mãe querida... O melhor que a gente tem... Não há outro amor na vida.... Igual ao amor de mãe" Sai Tony Carreira... sai... Óoooh meu Deus... o que se passa comigo?! São tantas as músicas que gostas de ouvir, porquê que não te lembras de nenhuma agora? Loulou acalma-te, tudo tem uma solução... Respira fundo... Visualiza que estás no carro, confortavelmente instalada. Tá um dia fantástico de sol, vais a caminho do trabalho.... esquece... a caminho da praia. Ai que ias tendo uma síncope agora... Levas a mão até ao rádio e sai a música... Katy Perry ft. Skip Marley - Chained to the rhythm

 

E feliz eu vou no popó... Só não percebo por que olham tanto para o que se passa cá dentro?!

P.S. Envio-te mais tarde o combinado, em géneros, para o pagamento! 

( estás a fazer-te difícil é?  )

Beijinhos
Loulou

E agora pessoal toca tudo a dançar com a Loulou 

Gostaram?
         

 

Que música te faz ficar no carro? Responde a Catarina

Bom dia gente linda!!!!!!!!! 

Hoje a minha convidada tem, não um,não dois,não três mas.........tchanam tchanam: 4reizinhos  a quem dedica o blog e que nos faz rir com as peripécias dos seus filhotes.

 

Bora lá 

 

Antes de mais quero agradecer à excelentíssima mamã dos PP´S por me ter convidado para esta rubrica magnifica. Fiquei muito contente por poder vir aqui largar bitaites mas a verdade é que responder à questão não foi assim tão simples.

(Coisa maiiiis linda)  

Primeiro porque existem dois tipos de musicas que passam no rádio do meu automóvel. Existe aquela bela musica infantil que passa uma e outra vez. Repete e repete como se se tratasse de um disco riscado e só nos apetece cortar os pulsos. Felizmente  para mim este tipo de musica passa durante cerca de dez minutos diários e é por esse motivo que ainda estou viva. Contudo não pensem que isso me impede de as saber de cor e de estas ficarem o dia todo a tocar na minha cabeça como musica de fundo…

(É um martírio ) 

Depois existe a musica do rádio que coloca a tocar depois de largar os miúdos. Esta serve para tentar fazer desaparecer a outra da minha cabeça e para me animar o dia. A viagem de carro para o trabalho e para casa são as únicas alturas do dia em que estou sozinha e posso relaxar. Costumo chamar-me o meu momento zen curiosamente é também o meu momento de brainstorming o que faz com que muitas vezes nem oiça o que está a tocar no rádio.  Provavelmente não estão a perceber nada mas a culpa é da anfitriã que convida gente doida e nos dá liberdade para poder vir para aqui divagar.

(Sou tão cool) 

Tentando voltar ao cerno da questão. Qual é a musica que me faz dar mais uma volta de carro? É difícil escolher uma porque existem várias que adoro. Contudo tive que seleccionar uma, depois de grande esforço consegui escolher uma. Espero que gostem desta musica escolhida por uma romântica incurável.

 

 

Depois desta balada tenho uma pergunta: Para quando o reizinho nrº 5? 

 

 Gostaram do tema?

Que música te faz ficar no carro? Responde o Papagaio Giló

Olá!

Bem vindos(as) á rubrica semanal que vos dá música e partilha sentimentos e emoções! Hoje o meu convidado é o depenado...ai perdão é  o estimado companheiro aqui da bloguice... o Papagaio Giló!

 

 

 

  Som..som… 1,2,3…som…

   Já está a dar?

   Ora, bom dia a todos! Desde já um agradecimento especial à caríssima anfitriã, a nossa estimada “ Mãe dos Filhos Dela” pelo convite feito à minha ave, para estar presente, hoje, a dar-lhe cabo do blogue… é um prazer … por que não dizê-lo?

(No fim ganhas um saquinho de alpista... )

  

Quanto ao que me traz especificamente aqui, vamos já diretamente ao assunto: comecei por pensar em escolher  Eu Vi um Sapo, da Maria Armanda – sem dúvida que era um tema para me agarrar ao volante a rir. Já para não falar que tanto o som como a letra são muito apropriados para atirar à cara da Equipa , mas recuámos neste propósito bem merecido de malvadez e decidimos enveredar por outra música!

   Desta forma, o que haverá de mais importante a dizer será a referência à injustiça que cometo… escolher um tema é um belo brinde só que, depois, há tantos outros que também mereciam cá estar e são postos de fora. Não há nada a fazer! Regras são regras…

   O meu gosto é muito diversificado. Muitas coisas me fariam agarrar ao volante e dar voltas à rotunda! Não gosto de UMA coisa, gosto de muitas e todas diferentes! Tanto do passado como do presente, da calma como do “abanar o capacete”, da música portuguesa como dos grandes sucessos de milhões. Por um lado é bom, torna-me menos racista. Por outro, se tiver que selecionar, a decisão fica muito complicada de fazer! Foi o que me aconteceu!

   A escolha que fiz baseou-se no tal pressuposto de ser um tema que faria com que eu ficasse ao volante, à espera que acabasse de tocar; para além disso, já não ouvia esta música há muito tempo, o que foi decisivo. E a música remonta a um tempo em que fui muito feliz – tenho Telepatia com essa época! Acho que faz falta ser ouvida por muita gente, sobretudo por aqueles que vão no trânsito citadino, sempre com pressas, à hora de ponta! Ou por aqueles que passam a vida a discutir e a fazer ruído por tudo e por nada. A letra não necessita de comentários…

Um  abraço à “Mãe”, então, pelo seu gesto, que me tocou, e a todas as músicas que não pude escolher… I’m Sorry!!!

Papagaio

 

 

Bora lá! Tudo a relaxar com o tema escolhido pelo Papagaio aqui do bairro