Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a mãe dos PP's

As mães conduzem mal

As mães conduzem mal. 

Não basta serem mulheres e isso ser já garantia para uma má condução, também a maternidade tem influência directa numa condução negligente.

As mães conduzem mal, é mesmo verdade! Estão sempre á pressa para fazerem centenas de coisas e irem buscar os rebentos á escola. São mesmo taralhocas as mães. Até parece que os demais utentes da via não têm vida.

Eu sou uma mãe desenrascada e muito boa condutora, mas ás vezes chateio-me e grito, mando vir com os condutores e condutoras que não são pais. É só buzinarem que eu franzo logo as sobrancelhas e estico o dedo do meio.

As mães conduzem mal e isso deixa me triste.

Acho que só gosto da condução suave e maternal de uma pessoa, que é da minha mãe. E só digo isto porque é minha mãe e não vá ela ler isto e ainda me dar tau tau. Ainda estou em muito boa idade de levar tau tau.

As mães nunca deixam passar ninguém e não dão prioridade a quem se aproxima. Andam sempre azedas e apressadas estas mães.

Vitimizo pessoas todos os dias que pego no volante e não tenho nenhum mercedes nem trato o meu carro como uma limusine. Porra! Sou tão azelha. 

Acho que as mulheres deviam ser condutoras ou ser mães. As duas coisas é que não. Porque 85% dos acidentes são causados por mães. 10% por mulheres normais e os outros 5% por homens que devem levar as mães ao lado.

As mães fazem sempre ultrapassagens perigosas e depois há um tipo de mães que não passa dos 50 para não causar soluços aos filhos.

As mães quando soltam em si as condutoras que há nelas fazem acidentes e vai acontecer o mesmo quando soltarem os seus filhos. As crianças vão causar acidentes.

Já coloquei um letreiro autocolante no vidro traseiro do carro "Sou mãe, para sua comodidade afaste-se".

 

Este post é feito por uma mãe condutora e feminista frustrada que não entende coisas que lê por aí.

 (Este post é paródia, que não se pense que estou armada em carapau de corrida...)

Olha que caraças

Um dia, já andando eu no secundário, enquanto ia para cantina da escola, li numa parede o seguinte verso:

 

" a cagar fiz um cigarro

a cagar o acendi,

a cagar o fumei todo

e a fumar caguei para ti"

 

Pois bem, em relação á pita que me buzinou porque parei no semáforo ainda laranja...tenho uma pena de não ser fumadora...

 

foda-se

já a formiga tem catarro